Parte II: Você algum dia sonhou casar virgem?

Acredito que quando se espera pela pessoa certa e pelo casamento, o sexo deve ser muito mais saudável, muito mais especial, puro, santo e divino, como Deus criou para ser. Além disso, nunca vi nenhuma pessoa que casou virgem reclamar ou lamentar por ter se casado, conforme o ensinamento de Deus.

Quando me desviei do ensinamento de Deus, passei a ver o sexo como algo banal, fácil de obter, as pessoas lhe usam e você também as usa, conforme seu prazer e necessidades, o sexo perde a importância, o sentido, deixa de ser especial, tudo é carnalidade, raramente existe sentimento profundo de amor.

 Gostaria de ter conhecido alguém ou lido em algum lugar algo que me fizesse ao menos refletir sobre a decisão que tomei por conta própria com 17 anos, por isso deixarei registrada aqui, para quem sabe servir para alguém:

Motivos pelos quais você deveria repensar perder a virgindade antes do casamento:

  1. Quando se relaciona com outra pessoa, que sabe que não é mais virgem, então essa pessoa passa a esperar ou até acelerar uma relação sexual entre vocês;
  2. Eu me sentia pressionada por mim mesma, quanto ao momento e tempo certo de me entregar, sentia medo de ser interpretada como uma garota fácil e de não ser levada a sério;
  3. A partir do 2º parceiro passa a comparar essas pessoas, as vezes imaginando como seria unir o melhor dos 2 mundos;  
  4. Medo da gravidez não planejada, de adquirir uma doença sexualmente transmissível;
  5. Medo de ser usada, tratada como um objeto de descarte, aliás esse receio muitas mulheres já sentiram e sentem na pele. 
  6. Será que deveria me casar de branco? Essa pergunta vai rolar na sua cabeça, se tiver respeito pelo símbolo que representa o vestido de noiva branco: Pureza, inocência e castidade. Eu me casei de branco, porque era meu sonho, mas me sentia uma mentira, porque sabia que a cor não representava minha situação.  
  7. Quando enfim, conhece a pessoa certa e percebe que é o homem de sua vida, então decide se casar, a lua de mel é tipo só a lua mesmo, porque o mel já se foi há muito tempo. Vocês já se relacionaram intimamente, então ninguém espera por mais nada, porque tiramos toda maravilha e beleza do sexo, vocês já sabem como vai ser. Já ouvi gente, que aproveitou a lua de mel publicando algo nas redes sociais, mas também tem gente que passa assistindo TV, admirando a paisagem do lugar, passeando e quando retornam estão cansados demais para qualquer coisa, que seja diferente de dormir.
  8. Em pouco tempo de casados, o apetite sexual vai se desvanecendo com intervalo cada vez maior na relação sexual ou meio que acontecendo no automático.

Se meu conselho não lhe servir, espero que ao menos lhe faça refletir sobre esse assunto.

Não faça como eu, que passei acreditar que ser virgem era antiquado, porque os tempos eram outros e todo mundo estava fazendo. Saiba que você não é todo mundo, saiba que Deus pode lhe perdoar, lhe santificar, se você se arrepender de coração e alma.

O mundo diz que é antiquado e que todo mundo está fazendo sexo à vontade, mas observe que ainda existem muitas pessoas fiéis aos ensinamentos de Deus.

Para lhe inspirar, gostaria de contar 2 histórias de casais que se absterão do sexo até o casamento:

Danny e Amy

Há pouco tempo assisti um programa na televisão chamado 90 dias para casar, havia um rapaz cristão americano (Danny – Pensilvânia) que estava namorando com uma moça (Amy) também cristã da África (Cidade do Cabo – África do Sul), ambas virgens, combinaram entre eles, que o sexo só aconteceria depois do casamento. Então, Amy se mudou da África do Sul para a América com um visto K1. No entanto, antes do casal se casar, Amy morava com o irmão de Danny. Porque, o casal não queria morar juntos até o casamento. Eles se casaram e tiveram 2 lindos filhos.

Alan e Kirlyam

Um outro casal que também optaram por abster do sexo até o casamento, devido religião, foram Alan (Mormon) e Kirlyam, ela brasileira e ele americano. Eles se casaram e tiveram 1 filho lindinho.

Também aproveito para recomendar um vídeo que me inspirou a escrever esse texto: Obediência Radical JOYCE MEYER:

Espere com paciência e não se arrependerá 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s